08/09/2020
Got to be Tough! Confira o novo e tão aguardado álbum de Toots and the Maytals!
 


Em tempos de incertezas políticas e sociais, a volta da voz de Toots Hibbert não poderia ser mais do que bem-vinda. Voz essa que ressoa desde o início do ska, durante o movimento pelos direitos civis na América e a independência da Jamaica nos anos 60.

Nessa época, Toots cantou icônicas verdades como “Monkey Man" e “54-46 Was My Number" – uma irônica resposta para sua injusta prisão por ganja. Desde então, ele ganhou uma visão certeira sobre os sistemas corruptos que tentam dominar populações e essa característica está em todas as suas letras.

Ganhador (e múltiplas vezes indicado) de Grammys, Toots Hibbert é mestre em criar um tipo de música de resistência, que harmoniza raiva e sensibilidade chamando atenção para as injustiças sociais. Got To Be Tough é um reflexo disso.

GOT TO BE TOUGH


Este novo álbum que sai via Trojan Jamaica / BMG Records conta com produção do próprio Toots Hibbert, que também toca muitos dos instrumentos e assina o arranjo do naipe de metais. A guitarra principal é de Zak Starkey (co-fundador do selo Trojan Jamaica ao lado de Sharna “Sshh” Liguz e baterista do The Who), a bateria é do mestre Sly Dunbar (da dupla Sly & Robbie) e a percussão do ícone de Nova Orleans, Cyril Neville.


(Clipe de "Got to be Tough")


Falando em percussão, vale lembrar que o ex-Beatle Ringo Starr assina a mesma na releitura de “Three Little Birds”, de Bob Marley. A faixa clássica ganhou ares de ska e ainda conta com a participação especial de Ziggy Marley na voz.

O disco Got To Be Tough vem para renovar a carreira de quase seis décadas do homem que lançou um novo som e gênero musical com seu hit de 1968 “Do The Reggay”. Sim, Toots Hibbert cunhou o termo “reggay”, que depois passou a se referir ao estilo musical, derivado do ska e do rocksteady, que surgiu na Jamaica no final dos anos 60.

Nesta sexta, 28 de agosto, o legendário artista jamaicano Frederick “Toots” Hibbert mostra que por suas veias criativas correm todas as raízes da diáspora negra: blues, soul, r&b, funk, jazz, reggae... Toots honra e incorpora essas sonoridades, enquanto busca sobreviver e prosperar entre nossos desafios terrestres.

É preciso ser forte quando as coisas ficam difíceis" - avisa o frontman desta instituição do reggae mundial que é a Toots and The Maytals.


Fonte: Nathalia Birkholz (Tropi.press)

Toots and The Maytals

Clique e saiba tudo sobre Toots and The Maytals aqui no Surforeggae. Discografia, notícias, música e muito mais.





'Toots and The Maytals'


Got to be Tough! Toots and the Maytals lançam novo single! Ouça no Surforeggae!


Virada Cultural traz Toots And The Maytals e The Abyssinians para São Paulo! Confira!






 
Quilombagem
Vibrações
On a Journey

Ijahman Levi
(Reggae)


O que você espera da cena reggae atual?
Que bandas clássicas ressurjam
Que bandas novas apareçam mais.
A cena reggae está legal para mim.


Resultado parcial
Historico de Enquetes


   Morgan Heritage
   Chronixx
   DUB INC
   Jah Defender
   Alborosie


   Mateus Rasta
   Igor Salify
   Vibração Sol
   Andread Jó
   Be Livin



APOIO DESENVOLVIMENTO